São João da Boa Vista
MIN. 13 º C | MAX. 27 ºC
25/08/2019 | 10:00

Unifeob faz parceria com projeto 'Criança Feliz' e movimenta campo do Palmeiras

Guia São João | Jornalismo

Unifeob acaba de ampliar sua atuação na área social por meio da parceria com o Projeto de Futebol ‘Criança Feliz’, que atende crianças de 6 a 12 anos de todas as regiões da cidade.

O trabalho, totalmente gratuito e coordenado pelo ex-jogador profissional João Batista Bento (Chaléu), surgiu em 2009, quando o Projeto Alpha decidiu ampliar seus atendimentos a crianças carentes também na área do futebol.

“Naquela época, buscamos uma parceria com o Palmeiras, que era presidido pelo Paulo Fermoselli. Desde então, o clube abraçou nosso trabalho”, conta Chaléu.

Agora, a UNIFEOB, que assumiu a sede e o campos do Palmeiras, manterá a parceria com o Projeto ‘Criança Feliz’ e os jovens atletas já retomaram os treinos no Estádio Getúlio Vargas Filho há duas semanas.

O Reitor do Centro Universitário, João Otávio Bastos Junqueira, ressalta que o papel da UNIFEOB enquanto instituição de ensino sem fins lucrativos é focar na educação e, por isso, possui diversos projetos sociais que focam na inclusão que possibilite o acesso ao Ensino Superior, por exemplo o ‘Melhor Aluno da Escola Pública’, com o Rotary, programas de bolsas de estudo, entre outros.

Mas, explica que quando há a possibilidade de alinhar junto a esses projetos algo de inclusão social, principalmente voltado para a educação, esporte ou cultura, a UNIFEOB apoia.

“No caso do Palmeiras, a ideia foi essa. Assumimos visando preservar o patrimônio para a cidade e dentro das ações podemos complementar a questão educacional. Esse é o caso do Projeto ‘Criança Feliz’. E outros mais virão assim que nós conseguirmos viabilizar a estrutura da sede social”, garante.

 

O PROJETO  

Com cerca de 80 crianças de 6 a 12 anos, o Projeto Social de Futebol ‘Criança Feliz’ tem por objetivo ensinar os fundamentos do futebol para todos os participantes. “O nosso trabalho como educadores é motivar a todos no caminho do bem, sempre falando para que eles fujam das drogas e dos caminhos errados”, explica Chaléu.

O coordenador ainda reforça a importância do convívio social com outras crianças. “Nosso trabalho não é formar atletas e sim de cidadãos, homens e mulheres de família. É claro que, se sair alguém para o futebol, ficamos felizes, mas não visamos resultados e sim vivermos uma fase da vida muito feliz, que jamais essas crianças se esquecerão”, detalha.

Atualmente, os treinos do projeto acontecem aos sábados, no período da manhã, com crianças de 6 a 12 anos, em grupos de trabalho. E um diferencial do ‘Criança Feliz’ é que, ao fazer o cadastro da criança, os pais ou responsáveis são contatados diretamente para que os coordenadores do projeto possam saber sobre o desempenho escolar das crianças.

A expectativa é que o número de participantes passe de 100, por meio da parceria com a UNIFEOB, que hoje também já tem fornecido estagiários de Educação Física para apoiar nos trabalhos

Fonte: Unifeob

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os Termos de Usuários, denuncie. Leia a Política de Privacidade para saber o que é impróprio ou ilegal.

Escreva um comentário...









Receba nossas novidades por e-mail

Siga-nos nas Redes Sociais



©2000-2019 Fleg e Webconn
Todos os direitos reservados - Portal Guia São João.