São João da Boa Vista
MIN. 20 º C | MAX. 25 ºC
22/06/2016 | 00:00

Área de Lazer precisa de reparos

Jornal O Município | O Município

"Desde que foi construído está abandonado", definem os moradores do Bairro Alegre sobre o Centro de Lazer Ilson Delso Batista de Oliveira, situado nas ruas José Inácio Diniz e José Dala Rosa.

O MUNICIPIO já realizou matéria em dezembro do ano passado após leitores entrarem em contato com a reportagem solicitando ajuda para erradicar o problema, mas até então nada havia sido feito.

DESTRUIÇÃO

Na Área de Lazer, qualquer pessoa tem livre acesso, uma vez que o local fica com os portões abertos 24h por dia. As grades que circundam o espaço também estão destruídas, o que facilita o acesso de usuários de drogas.

Contribuindo com isso, nenhum zelador ou funcionário público cuida do espaço. Por esse motivo, a quantidade de usuários cresce dia após dia e tira o sono de muitos vizinhos. Alguns inclusive precisaram acionar a Polícia após flagrarem cenas de sexo no interior do espaço. "É uma verdadeira zona", definiu um morador.

MAIS PROBLEMAS

Maurício Fernandes, morador do Bairro Alegre há 24 anos, fica indignado com a situação, chegando a postar fotos em redes sociais a respeito do descaso com o Centro de Lazer. "Pedimos uma reforma ou que coloquem aparelhos de ginástica como nas outras praças", solicita.

Falta de manutenção, cuidado e vandalismo são os itens elencados pelo morador que afirma que a Prefeitura não resolve nenhum problema do Bairro Alegre. "Como se o bairro não existisse".

O cenário de seis meses atrás se repete. Ao entrar no local, é possível observar portões caídos, grades estouradas, muros destruídos, água parada e um antigo campo de areia repleto de mato.

Um pouco mais a frente um campo de bocha, com muros altos, escondendo preservativos usados, papel higiênico com sangue, garrafas quebradas, roupas, paredes pichadas e com buracos. Estes, segundo os moradores, são feitos para serem usados como pontos de fuga de usuários de droga quando a Polícia adentra o local.

Um pouco ao lado estão os banheiros. Ficar cinco segundos dentro de um continua praticamente impossível devido o cheiro forte. Os vasos sanitários estão entupidos com fezes e dejetos, o mictório do banheiro masculino está em pedaços, luzes não funcionam e não sai água das torneiras.

RISCOS

O playground já quase não existe mais. Brinquedos enferrujados, quebrados e esquecidos no canto de um antigo local movimentado por crianças e famílias. Água parada por todo o espaço preocupa os moradores que, assustados, passam do outro lado da calçada. "É passar aqui pra pegar doença", contou um morador que já matou uma cobra no local.

CASO ANTIGO

No arquivo do O MUNICIPIO, há matérias feitas em 2010, 2012, 2013 e 2014. Na primeira vez a Prefeitura Municipal informou que "um projeto, em fase de finalização, para a reforma do local" estava sendo realizado.

Em outra, o Departamento de Esportes salientou o início da reforma para janeiro de 2014. Ano passado, a Prefeitura informou que o Departamento estava buscando recursos junto ao Ministério de Esportes e, em janeiro desse ano, seria feito um levantamento de tudo que precisava ser mudado no local.

PREFEITURA

Em contato com o Diretor de Esportes, Francisco Pedro Regini Júnior, Chicão, o mesmo informou que ontem (21), uma equipe iria até o local analisar a situação para que hoje (22) as obras fossem iniciadas. "O projeto já está pronto e amanhã começa", afirmou.

Segundo ele, o atraso na reforma ocorreu devido às obras do Centro de Lazer do Jardim Guanabara, mas em breve o local estará passando por reparos.

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os Termos de Usuários, denuncie. Leia a Política de Privacidade para saber o que é impróprio ou ilegal.

Escreva um comentário...












Receba nossas novidades por e-mail

Siga-nos nas Redes Sociais



©2000-2020 Fleg
Todos os direitos reservados - Portal Guia São João.