São João da Boa Vista
MIN. 18 º C | MAX. 31 ºC
26/07/2017 | 07:31

40ª Semana Guiomar Novaes

Guia São João | Jornalismo

euniões envolvendo a Associação Paulista dos Amigos da Arte (APAA) e o Departamento Municipal de Cultura têm ocorrido, tanto em São João quanto em São Paulo, para definir a programação e os detalhes técnicos dos locais das apresentações da 40ª Semana Guiomar Novaes, que acontece de 23 a 30 de setembro. 

De acordo com Hélio Fonseca Filho, diretor de Cultura, além de pontos tradicionais como o Theatro Municipal e a Fonteatro Emílio Caslini, esse ano parte da Semana Guiomar Novaes será descentralizada. 

“Teremos apresentações nas EMEBs Germano Cassiolato (Vila Valentim) e Luiza Teixeira (Jardim Ipê), Igreja de São Benedito e galpão da Feira Livre”, afirmou o diretor. 

Ainda segundo Hélio Fonseca, as atrações serão diversificadas buscando atender as várias vertentes da cultura – música erudita e popular, dança, teatro adulto e infantil e contação de histórias. 

A Semana Guiomar Novaes é uma promoção da Secretaria de Estado da Cultura (APAA), e Prefeitura de São João da Boa Vista (Departamento de Cultura), com apoio da Academia de Letras e Associação Amigos do Theatro (AMITE). 

1977: a criação da Semana Guiomar Novaes 

Instituída pelo então prefeito Nelson Nicolau, a primeira edição da Semana Guiomar Novaes foi realizada entre 19 e 26 de junho de 1977, tendo em sua Comissão Organizadora os seguintes membros nomeados pelo Executivo:  Sonia Antakly Noronha, Marly Gomes Michelazzo, Rageh Jorge Adib, Hélio Ornelas Borges, Terezinha Prímola, Anna Maria Angelina Oliveira Costa, Fersen Blasi, Rachel Murr Sabino, Osmar Garcia, José Fernando Bruno, Ana Maria Mancini de Souza, Roice Imaculada Vilela e Mello, Maria Lúcia Redher de Andrade, Celina Virga Simões, Clovis dos Santos. 

Guiomar Novaes

Guiomar Novaes nasceu em São João da Boa Vista em 28 de fevereiro de 1894. Com oito anos de idade começou a carreira da maior pianista do País. 

Em 1909 foi estudar piano na França. Passou em primeiro lugar no Conservatório de Paris, concorrendo com mais de 331 candidatos. 

Após os estudos, passou a tocar em Paris, Londres, Genebra, Milão e Berlim. Em 1913 retornou ao Brasil apresentando-se no Teatro Municipal de São Paulo e do Rio de Janeiro. 

Em 1922, participou da Semana de Arte Moderna dando ênfase aos recitais de Villa-Lobos, tornando-se a maior divulgadora de sua obra nos EUA e sendo aclamada a maior pianista do mundo pela imprensa americana. Em 1967, foi convidada a inaugurar o Queen Elizabeth Hall, em Londres, convidada pela Rainha Elizabeth II. 

Em 1960 e 1970 foi condecorada pelo governo brasileiro com diversos títulos, medalhas e comendas, além da Ordem Nacional do Mérito. Faleceu em São Paulo em 1979

Fonte: Prefeitura Municipal

Seja o primeiro a comentar

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os Termos de Usuários, denuncie. Leia a Política de Privacidade para saber o que é impróprio ou ilegal.

Escreva um comentário...









Receba nossas novidades por e-mail

Siga-nos nas Redes Sociais



©2000-2018 Fleg e Webconn
Todos os direitos reservados - Portal Guia São João.